Halloween: Games para jogar no Dia das Bruxas

GAMECOIN HALLOWEEN02

Marcelo Iglesias

Travessuras ou gostosuras? Desde que o Brasil resolveu incorporar o Halloween (Dia das Bruxas), mesmo que informalmente, ao calendário de celebrações, todos os anos lojinhas de festas vendem abóboras, foices, caveiras e demais quinquilharias da festividade originada na Escócia, no Século XVIII. Sendo assim, nada como aproveitar o final de outubro selecionar alguns games que, de uma forma ou de outra, se enveradam no cenário de bruxas, assombrações e afins.

A produção mais recente é The Witcher III, da CD Projekt RED. Considerado com um dos melhores RPGs de todos os tempos, o game disponível para PC, PlayStation 4 e Xbox One coloca o jogador na pele de um bruxo Geralt de Rívia, que percorre as Terras do Norte em um mapa gigantesco e abarrotado de desafios e seres sobrenaturais. Como se trata de um RPG, o game tem campanha gigantesca e, dependendo da dedicação do jogador, não seria exagero dizer que a conclusão atravessaria as festas natalinas.

GAMECOIN HALLOWEEN01

Para quem não pode se dedicar tanto tempo assim com um game, uma opção para se divertir no Halloween com gosmas e bichos do outro mundo é o veterano Castlevania: Lords of Shadow 2, disponível para PlayStation 3 e Xbox 360. No mais recente game das série vampiresca da Konami, o jogador assume o papel de ninguém menos que o príncipe das trevas, Conde Drácula. Ideal para quem gosta de pancadaria, trata-se de um clássico “Beat ’em up” com combos, inimigos múltiplos e belos gráficos.

Já os jogadores que se deleitam com a febre zumbi, a boa dica para o Dia das Bruxas é Dead Rising 3, título da Capcom disponível para PC e Xbox One. Nesse game, o jogador é um sobrevivente de um apocalipse zumbi e precisa se virar para não deixar que os mortos-vivos comam seu cérebro. Para isso, vale combinar sucatas para criar novas armas dentre outros itens bizarros e mortais. O jogo tem gráficos excelentes e jogabilidade simples. Ideal para dar umas boas risadas e fatiar uns zumbis enquanto se mastiga as guloseimas arrecadas.

GAMECOIN HALLOWEEN03

Old School

Para quem curte um Halloween mais “vintage”, outra opção deliciosa e nada terrificante é a edição de Splatterhouse para NES, publicado pela Namco em 1989. Nesse game, o jogador assume o papel de Rick, um carinha que se depara com uma máscara de hoquei com vida própria, que transforma o herói numa espécie de Jason Voorhees. Só que, ao invés de dilacerar casais assanhadinhos e incautos, ele deve perseguir diversos vilões dos filmes de terror.

GAMECOIN HALLOWEEN04

O game faz referência a diversos clássicos, que vão de “Halloween” a “O Exorcista”, passando por “A Mosca”, e conta até com a coreografia de um suposto Michael Jackson dançando algo parecido com “Triller”. Difícil, o título segue o padrão dos jogos da década de 1980, com movimentação imprecisa, bugs visuais e todas as limitações de um bom game 8 bits.

Vale a pena dar uma boa procurada em sites de emuladores e ROMs. Para quem tiver um Nintendinho encostado, dá até para garimpar um cartucho. No entanto, vale concentrar a busca na edição japonesa, já que na norte-americana os produtores “pintaram” a máscara de vermelho para evitar complicações judiciais com a Paramount Pictures e a Warner Bros.

[bws_related_posts]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.