Jogue Outra Vez – DmC Devil May Cry

GAMECOIN DMC DEVIL MAY CRY 01

Redação GameCoin

Devil May Cry foi um dos expoentes dos beat em’ up modernos com visualização 3D. A última edição DmC Devil May Cry demorou uma eternidade para chegar ao mercado. Foram três anos de produção, até sua publicação em 2013 e reedição em alta definição para PlayStation 4 e Xbox One, em março deste ano. Apesar do tapinha visual o título segue a receita saturada do gênero, em que o personagem percorre caminhos preestabelecidos, enfrenta hordas de inimigos, aprende uma infinidade de combinações de golpes e coleta pontos de magia, saúde e experiência. Para não deixar a jogatina repetitiva, apenas nos combates, também estão presentes desafios acrobáticos, em que é preciso saltar, rolar, pendurar e por aí vai.


No entanto, é preciso reconhecer que a franquia amadureceu. Aquele padrão em que a morte do jogador significava o retorno ao início da fase, assim como chefes de estágio desequilibrados não existem mais. As mudanças podem até ter facilitado a brincadeira, mas com toda certeza ficou menos cansativo. Já o enredo revela os primórdios de Dante e sua saga contra os demônios que se apoderam dos veículos midiáticos para provocar o caos na Terra.

Graficamente, DmC Devil May Cry atende às expectativas, tanto na versão original, como edição revisãda para consoles Next Gen. Mesmo assim, ele é colorido demais. E para um game em que o jogador é um caçador de demônios, cores vivas são um tanto incoerentes com a proposta. Claro que existem algumas falhas e defeitos visuais, mas não chegam a comprometer a confiabilidade do jogador.

Um ponto polêmico da produção e que gerou comentários e reações odiosas em 2013, foi o fato de Dante aparecer com visual totalmente descaracterizado em relação aos episódios anteriores, que na cronologia da série se passam após ao último episódio – até parece coisa de Tarantino! A reação foi tamanham que a Capcom não demorou para liberar um DLC com o personagem suas características normais com a cabeleira grisalha e chapinha!

Mesmo sendo repetitivo, no padrão de jogabilidade DmC Devil May Cry é um game divertido. Chefes imensos, estética surreal e aquelas pirações japonesas fazem dele um game imbatível se o negócio extravasar depois de um dia de trabalho. E melhor, até mesmo as versões para PS4 e Xbox One podem ser compradas por menos de R$ 60, assim com as versões para PS3 e X360.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.