Especial Star Wars – O FPS de Dark Forces

GAMECOINSWLOGO

Redação GameCoin

Episódio 5 – Os três primeiros filmes, que compõem a trilogia clássica de Star Wars abriram um leque infinito de histórias paralelas. George Lucas soube explorar muito bem todo o potencial de sua obra, em boa parte nos games. Em 1995 a Lucas Arts publicou Star Wars: Dark Forces o primeiro FPS do universo de Lucas, para PC e Mac. Em 1996 o game ganhou edição para PSOne. Premiadíssimo, Dark Forces coloca o jogador na pele do mercenário Kyle Katarn, que integra as forças do Império Galáctico, mas topa atuar como agente duplo para a Aliança Rebelde. Katarn aprece em outras obras Star Wars, como um iniciado na Ordem Jedi, mas isso não vem ao caso.

GAMECOIN DARK FORCES

Infiltrado nas instalações do Império, o jogador precisa cumprir com diversas missões para a Aliança, que vão desde sabotagens, espionagem, roubo de projetos e tecnologia, dentre outras atividades em prol da libertação da galáxia e construção da Nova República. Graficamente, Star Wars: Dark Forces foi bastante elogiado, na época de sua publicação. Seguindo a tendência de jogos de tiro como Wolfenstein, Doom, Duke Nukem 3D e Quake, o game oferecia basicamente os mesmos comandos. Destaque para os efeitos sonoros extremamente fidedignos aos sons dos longas-metragens da trilogia clássica, como dos disparos dos rifles laser.

GAMECOIN DARK FORCES C

Quem se aventurar a brincar com Star Wars: Dark Forces deve ter um pouco de paciência e assistir calmamente os vídeos que antecedem a missão. As artes, os diálogos são imperdíveis. Econtrar o game não é difícil. Na Steam é possível compra-lo por parcos R$ 12, na edição para PC.

[bws_related_posts]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.