Especial Star Wars – A vez dos NES

GAMECOINSWLOGO

Redação GameCoin

EPISÓDIO 2 – Quando o NES chegou ao mercado norte-americano a trilogia original de Star Wars já tinha sido concluída há dois anos. Mas isso não parecia problema para os executivos da Nintendo e nem para o pessoal da JVC e da Lucas Arts que decidiram um jogo para NES inspirado na saga de Luke Skywalker. Star Wars foi publicado para o Nintendinho em 1987 e seguia os moldes da maioria dos games daquela época.

GAMECOIN - STARWARS NES01

Star Wars é um legitimo game de aventura com uma mistura de cenários vistos de cima e o convencional Side Scroll nas fases de ação. O game segue os acontecimentos da película de estreia “Guerra nas Estrelas: Episódio IV – Uma Nova Esperança”, com o módulo de fuga caindo no planeta Tatooine, tendo os robôs C3PO e R2D2 a bordo.

Com gráficos muito bem acabados para o padrão da época, o jogador assume o controle de Luke na busca por informações sobre os registros de C3PO. Com comandos confusos, típicos do NES, Star Wars é um game difícil de jogar, mesmo com 20 vidas, divididas em 10 continues, e uma barra de energia que aparenta ser robusta, mas não suporta muitas pancadas. Para morrer em Star Wars basta estar vivo. Qualquer tombo, qualquer coisa que toque em Luke rouba precisos pontos de vida e encurta a jogatina.

GAMECOIN - STARWARS NES

Mesmo assim, Star Wars é um game competente, quando se considera o contexto da época e o que era padrão de videogame caseiro na década de 1980. Garimpar um cartucho original é uma missão difícil. Há poucas unidades disponíveis em sites de usados, com preços que podem superar os R$ 150. A maneira mais rápida é buscar um emulador e a ROM na web.

[bws_related_posts]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.