Review – Nioh 2 é um game implacável que não te deixa parar de jogar

Marcelo Jabulas – No final dos anos 2000, produtoras de games adotaram uma nova ótica para se desenvolver jogos. Se nos anos 1980, a lógica dos games era importada dos fliperamas, em que os títulos deveriam ser difíceis e com partidas curtas para vender fichas, nos anos 1990 a coisa se inverteu.

A possibilidade de salvamento de progresso, herdado dos games para PC facilitou radicalmente as coisas. No anos 2000 surgiram benefícios como cura automática e check-points, funções que tornaram a vida do gamer uma grande moleza. Mas alguns estúdios resolveram fazer o contrário como From Software e a Team Ninja. Esses japoneses acreditam que games bom é game difícil.

E nessa toada a Team Ninja acaba de publicar Nioh 2, para PS4. O game chega ao mercado três anos depois do lançamento do título original. Nessa aventura o jogador volta novamente à pele de um guerreiro num conflito que vem se arrastando no Japão do período Sengoku. O jogador tem poderes para invocar entidades sobrenaturais da natureza, tudo dentro da mitologia japonesa.

Customização

Em comparação ao primeiro game, a diferença imediata é a capacidade de o jogador editar seu personagem. Detalhes faciais, cabelo, barba, cor da pele e sexo permitem que o jogador se identifique no game. Não é nenhuma primazia, mas vai além do título original que tinha um protagonista com visual fixo.

Jogabilidade

A jogabilidade de Nioh 2 segue o padrão de seu antecessor, inclusive com as diferenças de altura de guarda: baixa, média e alta. Esse recurso torna os ataques e bloqueios mais eficazes de acordo com a estatura do inimigo. É um capricho do jogo, que exige atenção quando avistar seu oponente.

Mas saber como empunhar sua arma não é garantia de sucesso. Nesse game, qualquer adversário é fatal. Desde um reles soldado raso a um demônio gigantesco. Para sobreviver aos combates, o que exige que o jogador saiba dosar seu fôlego. A cada golpe, corrida e bloqueio, a barra de energia é consumida.

Assim, não basta apertar os botões de ataque loucamente, pois o “gás” vai acabar e te deixar vulnerável. O ideal é dosar as investidas, com recuos e bloqueios. Isso vale para qualquer tipo de inimigo.

Gameplay

Nioh 2 é um game difícil e sangrento. Trata-se de um jogo que exige progressão cautelosa. Os cenários contam com diversos caminhos que podem ser liberados, com abertura de portões e instalação de escadas.

Abrir os caminhos é fundamental pois o jogador morre incontáveis vezes durante a partida. E sempre que o jogador ressuscita ou faz uma oração no templo, todos inimigos do mapa reaparecem. Assim, deixar as trilhas livres garante agilidade na campanha.

Um fator importante para evitar reinícios, é nunca enfrentar mais de um rival ao mesmo tempo. Como o jogador precisa atacar, bloquear e esquivar, quando há um segundo ou terceiro inimigo, isso se torna impossível. A dica é usar o arco para eliminar o mais fraco e se concentrar naquele que é mais forte.

Atributos

Como todo Action RPG, o game oferece uma ampla lista de atributos, como: força, energia, carisma, magia e saúde. E o jogador pode gastar seus pontos de experiência para evoluí-los. Ele também aprende novos golpes e combos, com uso de pontos específicos. Assim é possível melhorar as habilidades com um tipo específico de arma.

Armas

E por falar em armas, o jogador tem uma grande variedade para utilizar. Ele se equipa com duas opções de mão e duas armas de longo alcance (arcos e até mosquetes semelhantes às primeiras armas de fogo chinesas).

Espadas longas, machados, espadas curtas, facas, porretes, machadinhas, foices, correntes e bastões. O que não faltam são opções. Elas se distinguem de dano, consumo de energia e velocidade de ataque. Ao longo do jogo, surgirão versões melhoradas. O ideal é o jogador escolher a opção que mais lhe agrada e evoluir seus golpes.



Aproveite as armas velhas para fazer oferendas aos espíritos. Eles irão te dar créditos em arroz sagrado que o jogador pode usar para comprar flechas, medicamentos e demais itens consumíveis.

Indumentária

Seguindo a cartilha dos grandes RPG’s, o jogador tem uma generosa variedade de elmos, couraças e demais itens de uma armadura. Pelo caminho, o jogador encontra diversas peças que oferecem mais ou menos pontos de defesa. Há também uma hierarquia de peças, algumas com atributos extras, como auxílios a ataques e uso de determinadas armas.

Palavra final

“Nioh 2” é um game que exige determinação do jogador. Ele te mostra a todo instante que o orgulho é seu maior inimigo. Isso porque não adianta bancar o valente e encarar seus rivais de peito aberto. Muitas vezes é preciso recuar e até mesmo fugir para driblar inimigos mais poderosos. Saber usar recursos para aumentar a eficácia de ataque e defesa é tão fundamental, como ser atento aos inimigos.



O grande problema de “Nioh 2” é que todos adversários da fase são meras distrações até os chefes. Estes são assustadoramente poderosos e que certamente irão te manter ocupado por horas, para não dizer dias.

Disponível para PS4, com preços entre R$ 249 e R$ 319.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.