Mortal Kombat X: Canários e dublagens

CASSIEMKX
Marcelo Iglesias
Nos bastidores do meio musical, cantores são chamados, sarcasticamente, de canários pelos instrumentistas. Bom ou ruim, cantor é canário e pronto. Acontece que recentemente esses profissionais da voz passaram a emprestar seus gogós nas dublagens de games. Mas ao contrário das piadinhas de coxia, eles viraram alvos de críticas ferrenhas, por parte do público, principalmente no Brasil, devido a qualidade de suas participações.
Lançado há pouco tempo, Battlefield Hardline, que deixou de lado os conflitos militares para brincar de polícia e ladrão, foi dublado por Roger, líder do Ultraje a Rigor. Jogadores odiaram a participação do roqueiro. O próprio se defendeu e respondeu de maneira ríspida os petardos que recebeu. Outra vítima das dublagens foi a baiana Pitty. A cantora participou da dublagem de Mortal Kombat X fazendo as vozes de Cassie Cage.
Mais uma vez a turma não perdoou e caiu na alma da moça. Ela chegou a dar entrevista dizendo que fez o melhor possível, mas não era responsável pelo texto, direção e edição do conteúdo. Bom, mas quem jogou Mortal X percebeu que Pitty é a versão masculina do “Cigano Igor”. As falas não tem mais que cinco palavras e uma entonação apática. A dublagem é tão fraca, que já até criaram uma petição pedindo um patch para remover as vozes da baiana.
É aquela história: Se cada canário posar seu galho, ninguém leva pedrada!

[bws_related_posts]

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.