Oldies – O esquecido Infernal

GAMECOIN INFERNAL 03

Redação GameCoin

Nem todos os games atingem o sucesso, ganham novos episódios e caem no gosto do público. Alguns simplesmente desaparecem como o caso de Infernal, game publicado pela Eidos Interactive em 2007, que oferece boa dose de ação e gráficos bastante competentes, até mesmo nos dias de hoje, mas que caiu no ostracismo. O pano de fundo da trama é uma turbulência na conexão entre os planos, ofuscado a visão do Todo Poderoso. E como o Criador não tinha como ver o que se passava na Terra, agentes do Paraíso resolvem descer para eliminar completamente o mal.

E nesse ponto que surge o protagonista Ryan Lennox, um agente secreto que tem parte com o “coisa ruim” e luta contra a facção celestial para manter o equilíbrio entre as forças, ao contrário do exorcista dos quadrinhos. Entre as suas habilidades militares, Lennox conta com poderes especiais como sugar energia dos inimigos e levitar pessoas ou objetos pesados, usando seu braço direito, envolto em chamas. Se não fosse suficiente, o game também permite controlar máquinas, como tanques e outras unidades bélicas, além de um belo arsenal.

Desenvolvido pelo estúdio polonês, Metropolis Soft, com uso do engine gráfico PhysX, desenvolvido pela Ageia, o título serviou como prova de fogo às gerações de placas gráficas e processadores lançadas na época. Infernal surpreende pela qualidade gráfica sofisticada, ainda hoje. Além disso, ele permite interferir em grande parte dos cenários, como destruição de paredes e etc, que hoje parece trivial, mas há quase 10 anos não era tão simples de se conseguir.

GAMECOIN INFERNAL 01

Outro ponto positivo e que não serviu para salvar sua pele era sua inteligência artificial, bastante sofisticada para a época. Quem tiver interesse em rodar o game verá que os inimigos são capazes de elaborar estratégias para sair da linha de tiro do jogador e armar emboscadas para pegá-lo de surpresa. Com isso a dificuldade do jogo aumenta consideravelmente, já que eles não aparecem como camicazes de peito aberto em direção ao fogo inimigo.

GAMECOIN INFERNAL 02

O game também ganhou uma versão para Xbox 360, batizada de Infernal: Hell’s Vengeance, mas teve aceitação fraca, se comparado ao game para PC, devido às falhas de jogabilidade, dentre outros problemas de adaptação. O que chama atenção é que o game é legal, ainda hoje. A ação é intensa, com uma pandaria frenética, o que da mostras que a falha do game, além de um port desastroso para o X360, foi um trabalho de marketing pouco eficiente por parte da Eidos. A fraca repercussão também se tornou um problema para encontrá-lo no mercado. Numa busca rápida, só encontramos o jogo na Amazon, ao preço de US$ 8 (R$ 34,40). Lamentável!