Battle Royale – De PUBG e Fortnite a Dying Light e Battlefield

Curtiu? Então compartilhe este post!

Só ano passado e só PUBG acumulou 30 milhões de jogadores

Marcelo Jabulas (@MarceloIRamos) | Redação GameCoin – O termo da moda no cenário gamer atende por Battle Royale. Trata-se de um modo de jogo em que dezenas de jogadores, literalmente, caem de para-quedas num cenário apenas com as roupas do corpo. Lá precisam encontrar armas e aniquilar quem aparecer pela frente. Quem sobreviver vence a batalha e o jogo começa novamente.




O modelo caiu nas graças dos jogadores após as publicações de Fortnite Battle Royale e Playerunknow’s Battlegrounds, o popular PUBG. O sucesso tem sido tanto que grandes selos anunciaram que irão lançar modos Battle Royale para suas franquias.

A primeira a confirmar foi a Techland, que irá lançar um conteúdo extra para o excelente Dying Light, que já contava com modo multiplayer, também terá a nova modalidade. Outras séries que também poderão estrear o modo são Battlefield e Call of Duty.

Publicações estrangeiras, como a Venture Beat, garantem que ter tido acesso a informações que confirmam que Battlefield V incluirá a opção de mata-mata junto aos demais modelos on-line. Já sites como Polygon, Kotaku e Eurogamer dão como certo que Call of Duty: Black Ops 4 também contará com o estilo “resta um”.

BATTLEFIELD 1 CHEGA PARA PC, PS4 E XBOX ONE PARA LEVAR O JOGADOR PARA A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL

Estrutura dos Battle Royale

As partidas em modo Battle Royale seguem um formato bastante dinâmico. Os jogadores são lançados numa ilha e la precisam se manter vivos. Vence o último que ficar de pé. O grande barato desse tipo de jogo é que ele é extremamente democrático. Todo mundo aterriza de mãos vazias e precisa encontrar equipamentos espalhados pelo caminho.

Há de tudo, desde facas, panelas e pistolas a escopetas, SMG’s, fuzis, assim como acessórios para melhorar o desempenho das armas. Também é possível encontrar equipamentos táticos como capacetes, coletes balísticos e mochilas. As mochilas são fundamentais para o jogador armazenar munição e medicamentos.

Com um mapa grande, o jogador imagina que basta ficar escondido deixando que todo mundo se mate e depois sai à caça daquele que ainda está de pé. Certo? Errado, os games Battle Royale como PUBG, assim como o similar Garena Free Fire (mobile) contam com as chamadas zonas de segurança. Elas são um perímetro que vai se fechando e quem estiver de fora sofre danos e pode morrer. Essas áreas de segurança servem para empurrar os jogadores para a batalha e evitar que eles fiquem dispersos no cenário e a partida se arraste.

A origem

O nome Battle Royale foi retirado de um título de um romance japonês escrito por Koushun Takami e publicado em 1999. A história se passa num colégio, em que alunos aprisionados devem lutar entre si até que apenas um sobreviva. O livro foi editado no Brasil pela Editora Globo e pode ser encontrado no varejo on-line e livrarias.

Depois de quase duas décadas a história serviu de inspiração para o modo de jogo que anotou mais de 30 milhões de jogadores em 2017, só com PUBG. como aponta o Statista.

Títulos Battle Royale

Playerunknow’s Battlegrounds – PUBG

PUBG é um fenômeno, nasceu como game independente para PC e acabou sendo abraçado pelas gigantes Microsoft e Tencent, que desenvolveram suas edições para Xbox One e Mobile (iOS e Android). A estrutura é simples, jogadores entram a partida e pousam numa ilha, onde há armas e munição. Ao final da partida, o desempenho do jogador lhe garante pontos que podem ser utilizados para adquirir roupas e até mesmos itens de proteção.

Preços
PC: R$ 55
Xbox One: R$ 75 a R$ 95
Mobile: Grátis

Fortnite Battle Royale

A franquia de tiro da Epic, chegou em 2013 seguindo o formato de títulos como Unreal. No entanto, ganhou uma edição Batte Royale em setembro. Os objetivos são os mesmo e vence a partida que se manter de pé. Ao contrário de PUBG que só tem versões para PC, Xbox One e Mobile, a Fortnite também conta com edições para PS4 e Mac.

Preço: O conteúdo é gratuito para quem já possui o jogo original.

Garena Free Fire

Exclusivo para mobile, o game tem versões iOS e Android. Free Fire é um clone de PUBG, mas com jogabilidade mais fácil. Cada partida conta com até 50 jogadores, que saltam de para-quedas e precisam se equipar para a caçada. O game também tem zona de segurança e permite a troca de pontos por itens para melhorar a indumentária do jogador.

Preço: Grátis

Leia Também

Curtiu? Então compartilhe este post!